quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Dilma manda recado duplo ao dizer que ninguém está ‘acima dos erros’

Sabe-se agora que foi intencional a afirmação da presidente Dilma Rousseff em entrevista ao jornal espanhol “El País”, publicada no fim de semana. Ela disse que “acata” as sentenças do Supremo Tribunal Federal no julgamento do mensalão, mas ponderou que ninguém está “acima dos erros”.
Inicialmente, a frase foi interpretada como uma manifestação dúbia da presidente. “Acato suas sentenças, não as discuto. O que não significa que ninguém neste mundo de Deus esteja acima dos erros e das paixões humanas”, afirmou Dilma.
Mas, para um interlocutor privilegiado, Dilma teve dois objetivos com a afirmação: mandar um recado para o PT e também para o STF. Dilma aproveitou a entrevista ao jornal espanhol para falar pela primeira vez sobre o tema.
Na semana da posse do ministro Joaquim Barbosa, como presidente do STF, foi a forma que Dilma encontrou para se posicionar sobre o assunto de forma discreta. “Até porque, essa é a semana de Joaquim Barbosa”, completou esse interlocutor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário