segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Morre aos 51 anos ex-prefeito de Governador Edison Lobão


Morreu nas primeiras horas de ontem (6), em Governador Edison Lobão (a cidade vizinha a Imperatriz), o ex-prefeito do município, Washington Luís Silva Plácido, de 51 anos. Ele era irmão do ex-prefeito de Sítio Novo, Clidenor Plácido, o “Sansão” – atual diretor regional do Hospital Municipal de Imperatriz (Socorrão) –, e a causa da morte foi insuficiência pulmonar, causada por cirrose hepática. O ex-prefeito chegou a fazer tratamento em Belém (PA), no fim do ano passado, mas a doença tornou seu estado irreversível, e ele voltou para Edison Lobão.
Advogado, natural de Pinheiro, Washington Plácido foi prefeito de Governador Edison Lobão de 2005 a 2008, ano em disputou a reeleição, pelo DEM, e perdeu para Lourêncio Silva de Moraes (PSDB).
Washington Plácido e a filha Danielle, no Iate Clube (São Luís), no ano passado
Nas últimas eleições, em outubro passado, Washington tentou eleger sua mulher, a professora Telma Plácido (PMDB), que também foi derrotada por Evando Viana de Araújo (PRB).
Em 2006, Washington Plácido respondeu a várias ações do Ministério Público Estadual por prática de nepotismo (dar emprego a parentes na administração municipal).
O MP também o acusou de ser o mentor do assassinato do pecuarista Edivalter Ribeiro, o “Valtinho da Transboi” – então com 49 anos –, ocorrido em abril de 2006 num posto de combustível, em Governador Edison Lobão. Valtinho era adversário político de Washington.
Esta denúncia foi julgada improcedente, em junho de 2012, pela juíza Cristiana de Sousa Ferraz Leite, titular da 1ª Vara Criminal da comarca de Imperatriz.
POR OSWALDO VIVIANI

Nenhum comentário:

Postar um comentário