segunda-feira, 25 de março de 2013

Governo do Estado e BNB discutem parceria para beneficiar agricultores familiares

 

Foto: Divulgação
SÃO LUÍS - O governador em exercício, Washington Luiz Oliveira, recebeu, nesta segunda-feira (25), no Palácio dos Leões, em São Luís, o superintendente do Banco do Nordeste, Helton Mendes; deputado estadual, Helio Soares; e os prefeitos de Alcântara, Domingos Araken; de Zé Doca, Alberto Carvalho; e de Centro Novo, Arnóbio Rodrigues. O objetivo foi articular, junto ao BNB, o fortalecimento do aporte financeiro à agricultura familiar nos municípios, de maneira a fomentar uma cadeia produtiva sustentável.


Segundo Washington Luiz, o papel do governo do Estado, nesse momento, é aproximar as prefeituras de instituições financeiras que possam dar o apoio necessário para o fortalecimento da agricultura familiar e proporcionar desenvolvimento para produtores rurais. “A Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) estão apoiando essa atividade nos municípios, principalmente com a garantia de assistência técnica e de mercado por meio do PAA. Então, solicitamos o apoio do Banco do Nordeste para complementação desse suporte, por meio dos recursos financeiros aos produtores”, ressaltou o governador.


O prefeito Domingos Araken adiantou que a Conab e a Embrapa estão atuando no fortalecimento das atividades das associações produtivas de Alcântara. “Conseguimos, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos, o PAA, R$ 2,8 milhões para o ano de 2013. Porém, para que a cadeia produtiva seja sustentável em Alcântara, precisamos do aporte financeiro aos produtores rurais. Então, nesse momento o apoio do Banco do Nordeste, por meio de financiamentos é fundamental, além de ser uma extensão da parceria estratégica mantida há muitos anos entre a Prefeitura de Alcântara e o BNB”.

Atualmente, existem em Alcântara cerca de 60 associações de produtores rurais, que agregam três mil famílias, que atuam na área da agricultura familiar e recebem investimentos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), operacionalizado pelo Banco do Nordeste, para manter suas atividades. A fim de auxiliar a manutenção e o desenvolvimento dessa e de outras cadeias produtivas, a Conab investiu, nos últimos anos, cerca de R$ 80 milhões no Maranhão, destes R$ 25 milhões apenas em 2012, um crescimento de 150% quando comparado a 2011.


O Banco do Nordeste já liberou recursos na ordem de R$ 346,8 mil, especificamente para o município de Alcântara, por meio do Pronaf B, quando as operações são de até R$ 2,5 mil. “A soma de esforços em apoio aos agricultores familiares de Alcântara, na forma proposta, contando com os recursos já oferecidos pelo Programa de Aquisição de Alimentos para garantir o mercado e consequente remuneração do trabalho desenvolvido pelas famílias no meio rural, viabilizará a ampliação do volume de recursos disponibilizados pelo Banco do Nordeste aos empreendimentos familiares do município. Não tenho dúvidas de que, com essa parceria, teremos um modelo de trabalho que poderá ser replicado em diversos outros municípios do Maranhão”, observou o superintendente do BNB.


A ideia é que o modelo de produção adotado pelas associações de agricultores familiares de Alcântara seja seguido por outros municípios, pois são investimentos que conquistaram bons resultados e consolidação das parcerias e efetivação das atividades.

As informações são do governo do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário