quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Mike Tyson diz que usou pênis falso para esconder uso de maconha e cocaína

Lutas

O ex-boxeador Mike Tyson admitiu em sua biografia, lançada na terça-feira e intitulada de "Undisputed Truth" (A verdade incontestável, em tradução livre), que se drogou antes de algumas de suas principais lutas e que já usou um pênis falso para burlar o doping, como mostra reportagem publicada nesta quarta-feira pelo jornal inglês "The Telegraph".

"Eu era um completo drogado", diz Tyson em um trecho do livro. "A história da guerra é a história das drogas. Todo grande general e todo grande guerreiro era drogado", afirmou.
Ele relembra a derrota para o britânico Danny Williams, em 2004, ao afirmar que havia usado drogas momentos antes da luta. O ex-boxeador conta ainda que usou cocaína pela primeira vez com 11 anos.
Em um dos trechos do livro, Tyson diz que estava drogado antes de subir ao ringue para uma luta contra Lou Savarese, em Glasgow, na Escócia, em junho de 2000, e veio com um engenhoso método para evitar ser pego no doping.

Isto é Mike Tyson

Richard Drew - 28.jun.1988/Associated Press


Mike Tyson exibe os seus cinturões após vencer a luta contra Michael Spinks
"Eu tive que usar um pênis falso, onde você coloca urina limpa de alguém para passar no teste de doping", diz Tyson no livro.
O ex-boxeador admitiu ainda que usou cocaína antes de uma entrevista coletiva para promover o confronto contra Lennox Lewis em janeiro de 2002, em Nova York, em uma das lutas mais aguardadas da época. Na ocasião, Tyson partiu para cima do rival e criou muita confusão.
"Eu perdi a cabeça. Eu olhei para ele [Lewis] e quis bater naquele filho da p...", afirmou o americano que, em agosto deste ano, revelou que esteve perto da morte por causa do alcoolismo.
Ainda no livro, Tyson relembra a famosa mordida na orelha de Evander Holyfield durante uma luta em 1997. Segundo publicação do jornal "The Telegraph", Tyson admitiu que perdeu sua compostura, mas insistiu de que foi forçado a fazer isto depois de levar repetidas cabeçadas de Holyfield.

Nenhum comentário:

Postar um comentário