quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Antônio Pereira destaca início da licitação para o asfaltamento da Estrada do Arroz


  • ()
    Divulgação
O deputado Antônio Pereira (DEM) revelou nessa quarta-feira (4), durante pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa, que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra), iniciou na segunda-feira (2) o processo de licitação, tipo menor preço, para asfaltar os 64km da Estrada do Arroz (MA-123), uma importante e estratégica rodovia estadual que interligará os municípios de Imperatriz, Cidelândia, o Sul do Pará e os prósperos povoados Esperantina, Açaizal, Matança, Olho D’Água, Coquelândia, São Félix e Petrolina.
O democrata acompanha de perto a licitação e adiantou que cinco empresas já apresentaram propostas. Concorrem e serão avaliadas as construtoras Sinfra a Raitec, Sucesso, Terramac, Interenge e a Construenge. “Na terça-feira (10), depois do prazo legal de cinco dias úteis da apresentação das propostas, a Comissão Setorial de Licitação da Sinfra, presidida pelo doutor José Miguel Lopes, anunciará quem está habilitado para as obras, e marcará o dia para a abertura dos envelopes, porque se trata de uma concorrência pública por menor preço”, afirmou.
Na oportunidade, Antônio Pereira agradeceu a governadora Roseana Sarney, ao secretário de Estado de infraestrutura, Luís Fernando Silva, e parabenizou todos que torceram pela pavimentação da Estrada do Arroz, que agora é uma realidade para o povo da Região Tocantina. O parlamentar destacou a vereadora Terezinha Soares, que durante vários mandatos lutou para asfaltar a Estrada do Arroz, e revelou que a própria governadora Roseana Sarney determinou que logo depois do processo de licitação, as obras devem começar nos primeiros meses de 2014.
Luta antiga - Durante o pronunciamento, o deputado Antônio Pereira lembrou que o asfaltamento da Estrada do Arroz é uma antiga luta de sua autoria na Assembleia Legislativa, iniciada em 2003, no começo do primeiro mandato, para atender pleitos dos prefeitos, vereadores e da população. Pereira registrou que o projeto de pavimentação da Estrada do Arroz foi apresentado no dia 13 de novembro pelo secretário de Infraestrutura, Luís Fernando, durante solenidade na igreja católica no povoado Coquelândia.
No final de 2012, Antônio Pereira protocolou uma emenda parlamentar ao orçamento do Governo do Estado de 2012, na Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, pedindo a liberação R$ 10 milhões para asfaltar a Estrada do Arroz, no trecho compreendido entre a fábrica Suzano Celulose e Cidelândia. Na oportunidade, a governadora anunciou que estava articulando empréstimos junto ao BNDES para recuperar a estrada. Depois, o empréstimo foi aprovado pela Assembleia Legislativa. (Assecom)

Nenhum comentário:

Postar um comentário