O Ministério da Justiça decidiu classificar Cinquenta Tons de Cinza como não recomendado para menores de 18 anos, devido ao forte conteúdo sexual, incluindo diálogo, cenas explícitas de nudez e comportamento sexual incomum.
A notícia não animou os fãs adolescentes do livro que pretendem ir ao cinema conferir a adaptação para o cinema. No entanto, a decisão não os proíbe de assistir ao longa, já que há a permissão, desde que os menores estejam acompanhados dos pais.