sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Imasul concede licença para empresa finlandesa construir fábrica de celulose

Instalação será em Ribas do Rio Pardo e capacidade de produção é de 2,2 milhões de toneladas

A área onde será construída a fábrica está pronta para receber as edificações 
(Foto: Divulgação)
A área onde será construída a fábrica está pronta para receber as edificações










A gigante mundial na construção de grandes empreendimentos, a empresa finlandesa Pöyry, que também atua no Brasil, já pode dar início à construção, no município de Ribas do Rio Pardo, da fábrica de celulose.
A CRPE Holding S.A (Celulose Rio Pardense e Energia) obteve a licença ambiental para a instalação de sua fábrica. Com área de 3,27 milhões de m² e capacidade anual de produção de 2,2 milhões de toneladas de celulose branqueada de eucalipto, o empreendimento será um dos maiores já licenciados no Brasil na área de celulose.
A Licença de Instalação LI 137/2014, concedida pelo Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul (Imasul), teve como base estudos técnicos e ambientais do empreendimento realizados pela Pöyry, multinacional finlandesa de consultoria e serviços de engenharia, principalmente com relação aos equipamentos de controle ambiental e atendimento às condicionantes da Licença Prévia LP 174/2014.
A planta da CRPE no Mato Grosso do Sul terá ainda capacidade de cogeração de energia de 291 MW, sendo que 151 MW serão utilizados na própria fábrica e o excedente, 140 MW, será comercializado. Com a Licença de Instalação, o empreendimento tem autorização ambiental para início de suas obras em Ribas do Rio Pardo. Esta licença também engloba a construção de um ramal ferroviário.
Estrutura
Além dos estudos ambientais realizados para o Licenciamento Ambiental (Licença Prévia e Licença de Instalação), a Pöyry foi também responsável pelos estudos de engenharia conceitual e de viabilidade técnica e econômica do empreendimento. Além disto, está a cargo da empresa a execução do projeto de engenharia básica, constituído de duas etapas.
A primeira fase, em execução, envolve a conceituação técnica e definição do modelo de implantação do empreendimento. Já a segunda etapa contempla as especificações técnicas para as tomadas de preços e análise de propostas para os pacotes de Equipamentos de Processo.
Sobre a Pöyry
A Pöyry é uma empresa multinacional de engenharia e consultoria, dedicada a um modelo de sustentabilidade equilibrada – balanced sustainability – e gestão responsável, que atende, globalmente, a clientes no setor industrial e de energia, e, localmente, a diversos mercados estratégicos.
Atua nos segmentos de energia (geração, transmissão e distribuição), florestal, papel e celulose, químicos e biorrefinaria, mineração e metalurgia, infraestrutura e água.
No Brasil, a Pöyry iniciou atividades em 1974, tendo criado a sua subsidiária brasileira em 1999. Nesse período, aumentou sua atuação, ingressando ainda mais nas áreas de consultoria e gerenciamento de projetos, além dos serviços de engenharia de fábrica. Atualmente, conta com mais de 600 colaboradores no País e atende mais de 50 clientes, de diversos setores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário