A operação, denominada de “Ciclone”, foi realizada nessa sexta-feira (9) em Imperatriz, João Lisboa, Governador Edison Lobão e Ribamar Fiquene, através de policiais civis da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), com apoio de policiais civis da 10ª Delegacia Regional de Imperatriz.
Foram cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão nessas cidades emitidos pela Justiça.
Durante a operação foram apreendidas arma e munições. Os suspeitos foram apresentados no Plantão Central da Delegacia Regional de Segurança.
Goldzan Pereira da Luz, 30 anos, foi preso em Ribamar Fiquene, no local onde os policiais cumpriram mandado de busca e apreensão. Ele tem mandado de prisão em aberto na cidade de Miranorte (TO) e foi flagrado com munições calibre 38 e uma faca tipo rambo. Jefferson Ferraz Silva, 25 anos, foi preso em cumprimento de mandado de prisão acusado de pertencer a uma quadrilha especializada em assaltos a residências em Imperatriz.
Wallace da Silva Santos, 27 anos, foi preso por posse ilegal de arma de fogo. Os policiais foram até o povoado Bananal, no município de Governador Edison Lobão, para cumprir mandado de busca e apreensão e de prisão em uma chácara naquele povoado. Os policiais estavam à procura de Maciel Ferreira da Silva, que cumpria pena na CCPJ do Anil, em São Luís, por homicídio. Ele não foi encontrado. Entretanto, Wallace da Silva Ferreira estava na casa da chácara, de posse de uma espingarda calibre 28. Por isso, foi preso e autuado em flagrante.
Foi preso também na operação “Ciclone” o suíço Vitor German  Galfaro, 60 anos, em cumprimento a mandado de prisão, emitido pela Vara da Mulher, acusado de violência doméstica. Vitor German foi preso no residencial Ecopark.
Os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão na fazenda Graciosa, localizada em João Lisboa, de propriedade de Carla Logrado, denunciada por suspeita de conflito agrário.
Foi também feita busca e apreensão na casa do policial militar Márcio Cleibe Costa Oliveira, localizada na Vila Lobão, que foi baleado na tarde dessa quinta-feira e ainda se encontra no hospital municipal. Márcio Cleibe é acusado de matar duas pessoas naquele bairro.