terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Vício em sexo impediu Tyson de ser o melhor da história, diz empresário

Ampliar

Tyson5 fotos

5 / 5
Por meio de entrevistas e fotografias de arquivo, o filme aborda as memórias de Mike Tyson, como a infância nas ruas violentas do Brooklyn, sua entrada no mundo do boxe e a aventura no mundo da fama internacional Leia mais Divulgação

VEJA TAMBÉM

A instabilidade emocional de Mike Tyson sempre foi um de seus maiores rivais, piores até do que lutadores como Evander Holyfield. E, entre os problemas, o vício em sexo foi um dos que o impediu de ser o maior de todos os tempos. Esta é a opinião de Rory Holloway, que foi empresário do ex-campeão dos pesos pesados, e abriu o jogo sobre o tema.
Holloway, segundo o tabloide inglês Mirror, explicou que o "ponto fraco por mulheres" vitimou Tyson, e revelou que tinha de fazer enormes esforços para controlar seu cliente. A ponto de contratar seguranças para vigiar o norte-americano – que chegou a ser preso por estupro.
As revelações do empresário estão no livro "Taming the Beast: The Untold Story of Mike Tyson". Nele, Holloway também conta que nem mesmo na prisão Tyson se manteve longe de mulheres.
"Eu sabia que ninguém no ringue podia pará-lo. A única razão que o fez perder foi seu ponto fraco por mulheres. Toda decisão dele envolvia mulheres e sexo. Eu sabia que isso o afetaria, e o afetou. Mas acho que ninguém podia impedir esse destino", afirmou o empresário.
Tyson foi o mais jovem campeão dos pesos pesados, aos 20 anos, em 1986. Seis anos depois, foi preso por abuso sexual, cometido sobre Desiree Washington. E ele não surpreendeu Holloway.
"O que me surpreende é que mais garotas não o acusaram. O caso de estupro era inevitável", disse ele. Na prisão, guardas contavam a Holloway que mulheres entravam e faziam fila para ficar com o pugilista.
Uma das famosas a cair nas garras de Tyson foi a modelo Naomi Campbell. "Eu estava fazendo meu trabalho de babá dele, e de repente eu o vejo com uma garota. Tive que esfregar os olhos, era Naomi Campbell. Mike disse que precisava ir ao banheiro. Logo depois, Naomi o seguiu. Eu fiquei com as bebidas de ambos e falando aos outros convidados da festa: 'o banheiro está ocupado'."
Holloway defende que Tyson tinha o mesmo potencial de Muhammad Ali, mas seu jeito incontrolável o impediu de chegar ao ápice. Em 2005, veio a aposentadoria. "Mike estava cansado do boxe. Algumas vezes tínhamos de fechar a academia para não mostrar que ele tinha desaparecido, numa missão para caçar mulheres... Era frustrante. Só vimos o topo do iceberg do que Mike era capaz. Se não fossem as distrações, ele poderia ter sido o melhor de todos os tempos."

Nenhum comentário:

Postar um comentário