quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Bancada do PT quer encontro exclusivo com o governador

Parlamentares já previam a reunião desde março, mas a chamada dos membros da “Resistência Petista”, que já integra o governo,  levou ao adiamento do diálogo

Primo, Zé Carlos, Honorato e Inácio já haviam acertado a presença de Monteiro
Primo, Zé Carlos, Honorato e Inácio já haviam acertado a presença de Monteiro
Foi uma decisão da bancada parlamentar do PT – formada pelo deputado federal José Carlos, pelos estaduais Zé Inácio e Francisca Primo, e pelo vereador de São Luís Honorato Fernandes – a suspensão da reunião que deveria ter ocorrido segunda-feira com o governador Flávio Dino (PCdoB).
Os parlamentares petistas querem um encontro inicial com o governador para tratar da conjuntura política, inclusive as eleições de São Luís, antes de uma reunião mais ampla com todas correntes que dividem o poder na legenda.
– A princípio, propusemos o encontro apenas com a bancada. Até pela legitimidade do mandato popular. Mas abrimos também para as direções estadual e municipal, que reúne todas as correntes – explicou o deputado estadual Zé Inácio.
Mas o próprio Flávio Dino decidiu chamar para a reunião também os membros da chamada “Resistência Petista” – gente como Augusto Lobato e Chico Gonçalves, que já integram o governo, o que levou ao recuo da bancada.
O deputado federal Zé Carlos também comentou a suspensão da reunião, em nota de esclarecimento ao PT, a qual este blog teve acesso.
– A bancada parlamentar do Partido dos Trabalhadores, a qual integro na condição de Deputado Federal, tendo em vista a proximidade das eleições em 2016, propôs audiência com senhor governador, em princípio marcada para 31 de março de 2015, cujo objetivo seria aprofundar leitura política, evitar antagonismo eleitoral entre candidatos petistas e aliados do governo, fazer mediações e diluir contradições na busca de apoio mútuo. A oportunidade serviria também para conjecturar expectativas do governo e do PT, sob ponto de vista de aliados estratégicos, e o papel a ser desempenhado por ambos. Contudo, dada especulações, interpretações equivocadas e alteração no formato original da reunião, solicitou-se a suspensão e adiamento da audiência – explicou.
A alteração no formato original foi exatamente a chamada dos membros da “Resistência Petista”.
E não há definição de outra data para o encontro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário