segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Bancários suspendem parcialmente greve em todo o estado

Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e bancos privados suspenderam a greve, apenas Banco do Nordeste e Banco da Amazônia continuam


Honório Moreira/OIMP/D.A Press
O sindicato em assembleia decidiu acatar a proposta de reajuste salarial feita pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban)
O Sindicato dos Bancários do Maranhão suspendeu parcialmente a greve na noite desta segunda-feira que durou 21 dias em todo o estado.
Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e bancos privados suspenderam a greve, já o Banco do Nordeste (BNB) e Banco da Amazônia (Basa) continuam.
Na última sexta-feira, 18º dia da greve nacional, a Fenaban ofereceu reajuste de 10% sobre salários e de 14% sobre os vales alimentação e refeição dos bancários.
Após a proposta, o sindicato em assembleia decidiu acatar a oferta de reajuste salarial feita pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). Com isso, as agências bancárias do estado devem voltar a funcionar nesta terça-feira, dia 27.
Umas das principais reivindicações dos bancários, é a estabilidade no emprego, a contratação de mais bancários, isonomia, piso do Dieese, dentre outras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário