quarta-feira, 28 de outubro de 2015

TRE decide que presidente de câmara deve assumir prefeitura de Buriti


Os juízes do TRE-MA (Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão) recusaram os Embargos de Declaração, opostos pela defesa do prefeito cassado Rafael Mesquita Brasil, julgados nesta tarde de terça-feira (27). Assim, foi mantida a decisão que cassou o mandato do prefeito de Buriti, que deverá deixar o cargo, depois que o julgado for publicado no Diário da Justiça Eleitoral, o que deverá ocorrer até essa quarta-feira (28).
Por unanimidade, e após longo debate na Corte, os desembargadores também decidiram que o presidente da Câmara, vereador Josimar Alves Lima (PDT), conhecido mais popularmente como Jorge do Sindicato, assuma, imediatamente como novo prefeito de Buriti (MA) até que a sentença seja transita e julgada no TSE, diferentemente do que havia decidido a justiça de base que determinara a posse do segundo colocado nas eleições de 2012, no caso de Naldo Batista.
jorge do sindicato-001
presidente da Câmara, vereador Josimar Alves Lima (PDT), conhecido mais popularmente como Jorge do Sindicato
Enfim, pelo menos na Justiça do Maranhão, a questão está encerrada.
O Blog contatou o prefeito cassado Rafael Mesquita que disse que vai recorrer da decisão em Brasília e reafirmou que fica no cargo até o fim do seu mandato.  Ele atribuiu sua derrota na justiça a uma suposta “perseguição” por parte da Casa Civil do Governo do Estado do Maranhão.
Os juízes do TRE-MA (Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão) recusaram os Embargos de Declaração, opostos pela defesa do prefeito cassado Rafael Mesquita Brasil, julgados nesta tarde de terça-feira (27). Assim, foi mantida a decisão que cassou o mandato do prefeito de Buriti, que deverá deixar o cargo, depois que o julgado for publicado no Diário da Justiça Eleitoral, o que deverá ocorrer até essa quarta-feira (28).
Por unanimidade, e após longo debate na Corte, os desembargadores também decidiram que o presidente da Câmara, vereador Josimar Alves Lima (PDT), conhecido mais popularmente como Jorge do Sindicato, assuma, imediatamente como novo prefeito de Buriti (MA) até que a sentença seja transita e julgada no TSE, diferentemente do que havia decidido a justiça de base que determinara a posse do segundo colocado nas eleições de 2012, no caso de Naldo Batista.
rafael-mesquita
Enfim, pelo menos na Justiça do Maranhão, a questão está encerrada.
O prefeito cassado Rafael Mesquita  disse que vai recorrer da decisão em Brasília e reafirmou que fica no cargo até o fim do seu mandato.  Ele atribuiu sua derrota na justiça a uma suposta “perseguição” por parte da Casa Civil do Governo do Estado do Maranhão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário