terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Em João Lisboa, Val Mota parabeniza acordo entre secretarias para combater a Dengue

SAÚDE


A solicitação foi da vereadora no fim do ano  passado


JOÃO LISBOA – Legislativo atuante e participativo. Na sua Indicação a vereadora Val Mota, solicitou ao Executivo que as de Secretarias de Saúde, educação, infraestrutura e agricultura realizassem ações conjuntas numa Campanha de Prevenção Contra o Mosquito Aedes Aegypti. 

            Val Mota parabenizou o executivo pela iniciativa de realizar este acordo entre secretarias e destacou que a ação é de suma importância. “Pois com a campanha de prevenção, com ações educativas nas escolas, distribuição de folders, visitas em residências, retirada de entulhos e do lixo entre outras atividades em nossa cidade, evitará um alto índice de pessoas acometidas de doenças como a dengue, chicungunya e zika vírus”.


Segundo informações do Secretário de Saúde, Cleonaldo Diniz, o acordo visa conscientizar que a população é a peça chave nesse processo de combate ao mosquito que causa danos irreparáveis à saúde pública. 
A reunião que contou com a presença do executivo ficou definido que a campanha que começará no próximo dia, (17), na Vila São Francisco, antiga Vila Sálvio Dino irá se estender por vários dias em pontos diferentes da cidade, principalmente aqueles onde foi registrado o maior número de focos do mosquito, ano passado.  Prefeito Jairo Reunido com secretários e membros da saúde Ainda segundo Cleonaldo Diniz, no plano de ação da campanha, será formada uma equipe de “Brigadistas”. “ Brigadistas são pessoas voluntárias de áreas públicas ou privadas, que posteriormente serão treinadas para desenvolver um trabalho preventivo, com vistorias em dependências, internas e externas, para identificar possíveis focos de larvas e/ ou depósitos de riscos para criadouros de larvas do mosquito transmissor da dengue”, disse. 

O prefeito Jairo Madeira, enfatizou a importância à participação ativa da população nessa campanha de combate à Dengue.  “Precisamos nos unir para combater esse inseto tão minúsculo, mas, que causa estragos à saúde do nosso povo. Mais para isso, é necessário que a peça mais importante nessa luta, que é a população nos ajude e faça a sua parte” disse.  A iniciativa é uma forma de criar um maior grau de conscientização sobre a gravidade da doença e a necessidade da participação de todos nas ações de prevenção de combate ao mosquito.como criar blog

Nenhum comentário:

Postar um comentário